Última hora

Última hora

Polícia grega destrói bairro de imigrantes clandestinos

Em leitura:

Polícia grega destrói bairro de imigrantes clandestinos

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades gregas destruíram um bairro da lata de imigrantes afegãos este domingo. Trata-se do mais recente exemplo do endurecimento da política de Atenas contra a presença de clandestinos. O acampamento, na cidade portuária de Patras, existia há uma dúzia de anos. No Inverno chegou a albergar mil e quinhentos imigrantes. Durante a operação, que envolveu uma centena de agentes da polícia, foram interpelados perto de cem clandestinos, trinta dos quais menores.

O chefe da polícia de Patras explicou que a demolição do acampamento, embora tardia, foi bem sucedida e que foram executados todos os procedimentos legais relativamente ao futuro dos imigrantes. Os requerentes de asilo foram conduzidos a um hotel da cidade, os menores a um centro de acolhimento e os restantes colocados em detenção. Patras é um ponto de passagem da imigração ilegal que tenta rumar a Itália. De acordo com as ONG, vivem na Grécia cerca de 250 mil clandestinos. E a agência europeia Frontex indica que no ano passado foram interceptados quase 150 mil ilegais nas fronteiras gregas. Durante a demolição do bairro eclodiu um incêndio, dois imigrantes foram detidos por fogo posto.