Última hora

Última hora

Festival de Montebello de Bellinzona dedicado a Mendelssohn

Em leitura:

Festival de Montebello de Bellinzona dedicado a Mendelssohn

Tamanho do texto Aa Aa

Um festival de música de câmara dentro dos muros do Castelo de Montebello de Bellinzona, património da UNESCO. Foi neste ambiente com atmosfera particular, onde o público pode interagir com os artistas, que se realizou o Festival de Montebello. As noites quentes de Bellinzona deram preferência aos talentos musicais mais jovens e colocaram-nos lado a lado com artistas de renome internacional. Para Bruno Giuranna, professor de viola na Universidade de Limerick e director artístico do festival, “os castelos de Bellinzona, onde o festival se realizou, são fantásticos. E nestas aulas pretendemos ensaiar alguns dos concertos que vão fazer parte do festival, o que é possível devido ao elevado número de participantes. Os eleitos são seleccionados com muita atenção e todos já iniciaram carreiras a solo de forma brilhante.”

O festival propõe seis concertos, alguns dos quais saboreados ao longo do jantar. Além de comida e da música, também há aulas avançadas de aperfeiçoamento para jovens músicos. Fabio Tognetti, coordenador do festival, explica a razão para a escolha do repertório deste ano: “Em primeiro lugar, a quinta edição do festival coincidiu com um aniversário muito importante – o bicentenário do nascimento de Mendelssohn. Foi por isso que as suas composições coloriram esta edição, com músicos oriundos de toda a europa.” Um festival que honra Mendelssohn e que parece o sonho de uma noite de Verão.