Última hora

Última hora

A lua o sonho realizado

Em leitura:

A lua o sonho realizado

Tamanho do texto Aa Aa

A 16 de Julho de 1969 Neil Armstrong, Edwin “Buzz” Aldrin e Mike Collins iniciavam a missão Apollo 11, lançada pelo Saturn V, fiel a todas as missões Apollo.

O foguetão de 11 metros de altura descola do centro espacial Kennedy, na Flórida, às 13h32, hora de Lisboa. A missão tinha uma forte conotação política: colocar a bandeira nacional em solo lunar antes dos soviéticos. O presidente Kennedy anunciou em Maio de 1961 a determinação dos Estados Unidos em colocarem um americano na Lua antes do final da década. A viagem até à Lua durou quatro dias. Mike collins ficou em órbita. O módulo lunar Eagle pilotado manualmente por Buzz Aldrin aterra à justa no chamado Mar da Tranquilidade no dia 21 de Julho, às 12h56, hora de Lisboa. “Enquanto desciam e Armstrong olhava para um local para aterrar, íam ficando sem combustível. Quando tocaram no solo tinham menos de um minuto de combustível antes de terem que abortar.” Armstrong informa o centro de controlo: “Houston aqui a base de tranquilidade. A águia pousou-se.” A sua frase legendária foi pronunciada após ter sido obrigado a saltar do Eagle, já que a escada era demasiado curta. Eram 02h56m48s, hora de Lisboa. O evento foi seguido em directo pela televisão por milhões de pessoas. No dia 24 de Julho, a cápsula com os três astronautas a bordo aterra no Oceano Pacífico. Trazem com eles 21 quilos de rocha lunar e fotografias. Apesar de terem sido recebidos como heróis, 40 anos depois, Buzz Aldrin, mantém os pés bem assentes no chão. “Fomos lá com uma missão e não para satisfazer as questões fáceis das pessoas dos últimos 40 anos do tipo como é que se sentiu na Lua? Não fomos lá para isso.” Aldrin, Collins et Armstrong, cada um seguiu o seu destino. Os três homens ficarão para sempre unidos por esta primeira viagem à Lua, um velho sonho da humanidade.