Última hora

Última hora

Novo escândalo de Berlusconi

Em leitura:

Novo escândalo de Berlusconi

Tamanho do texto Aa Aa

Sexo, fotos e gravações… Berlusconi está de novo em maus lençóis, depois de uma prostituta ter gravado e feito chegar à imprensa conversas que tiveram pelo telefone.

Os diálogos surgiram no sítio web do jornal l’Espresso. O advogado do primeiro-ministro italiano diz que são “invenções” e ameaça processar todos os media que os reproduzirem. O jornalista do l’Espresso, Emiliano Fittipaldi, considera que o advogado está apenas a cumprir o dever de defender o seu cliente, mas “se pensa que as gravações são falsas e a voz de Berlusconi foi imitada, vai ter que prová-lo”. Na gravação, Patrícia d’Addario e il cavalieri falam de um duche e de dormirem juntos na cama de Putin – uma cama de dossel oferecida pelo primeiro-ministro russo ao seu homólogo italiano. Em Itália, as opiniões dividem-se sobre mais este capítulo das mil e uma noites de Berlusconi: “Este italiano diz que lhe custa acreditar, porque os jornais fazem tudo o que for preciso para vender mais” Outro considera impressionante que os italianos não se escandalizem. “Em Inglaterra, as pessoas demitem-se por muito menos, isto dá ideia do tipo de país em que nos transformámos”, afirma. A vida íntima do primeiro-ministro está cada vez mais nas páginas dos jornais desde que a sua mulher, Veronica Lario, anunciou o divórcio, acusando-o de aventuras com prostitutas e menores. Patrizia d’Addario está no centro do inquérito que a justiça italiana está a efectuar sobre as prostitutas de luxo que passaram pelo domicílio de Berlusconi, financiadas por um empresário acusado de corrupção.