Última hora

Última hora

Ásia assistiu a eclipse solar total

Em leitura:

Ásia assistiu a eclipse solar total

Tamanho do texto Aa Aa

O eclipse solar total mais longo do século XXI mergulhou na escuridão grande parte da Ásia.

O sol ficou completamente tapado pela lua durante 6m39s numa zona pouco habitada do Pacífico, um recorde que só vai ser batido daqui a 123 anos. Na Índia, a escuridão durou entre três a quatro minutos, tempo suficiente para milhões de peregrinos se banharem, libertando as almas. “Foi muito emocionante. Acho que vimos 85%, como previsto pelos cientistas e meteorologistas”, afirma Ashok. O eclipse varreu vários países: Índia, Nepal, Butão, Bangladesh, Mianmar e China e as ilhas meridionais japonesas de Ryukyu. Foi numa destas ilhas japonesas, Amami Oshima, que se juntaram dezenas de milhares de turistas, para observar o fenómeno. “Estava muito nublado. Gostava de ter visto mais claramente o anel de diamante, mas foi como realizar um sonho, que vou guardar como uma boa memória”, conta a japonesa Kaori Tamada. “O sol foi comido pela lua”, diz uma criança chamada Taiyo, nome que significa sol.