Última hora

Última hora

Manuel Zelaya volta à fronteira hondurenha

Em leitura:

Manuel Zelaya volta à fronteira hondurenha

Tamanho do texto Aa Aa

Manuel Zelaya voltou, pelo segundo dia consecutivo, à fronteira entre a Nicarágua e as Honduras.

O presidente deposto pretende desta forma manter a pressão sobre os líderes do golpe militar que o derrubou o mês passado. Rodeado de apoiantes, Zelaya ignorou as críticas dos estados Unidos segundo as quais o seu comportamento é imprudente e esteve a uma centena de metros do território hondurenho. Embora continue a exigir que lhe restituam o poder, Zelaya não mostrou vontade de confronto com as forças de segurança hondurenhas posicionadas do outro lado da fronteira. A polícia hondurenha, apoiada pelo exército, voltou a utilizar gás lacrimogéneo para dispersar centenas de apoiantes de Manuel Zelaya que o esperavam em El Paraiso. Na mesma zona foi encontrado o corpo de um jovem identificado como apoiante de Zelaya O Governo liderado interinamente por Roberto Micheletti ofereceu entretanto à mulher do presidente destituído a possibilidade de se juntar ao marido na Nicarágua.