Última hora

Última hora

Reatar o diálogo a "curto prazo" entre Israel e a Síria.

Em leitura:

Reatar o diálogo a "curto prazo" entre Israel e a Síria.

Tamanho do texto Aa Aa

Esta foi uma das mensagens que o enviado da Casa Branca ao Médio Oriente, George Mitchell, transmitiu ao presidente sírio, Bachar al Asad.

Para Mitchell esta é a única forma de garantir a estabilidade, a segurança e a prosperidade de todos os Estados da região: “O presidente Obama está determinado a promover uma paz realmente completa entre os árabes e Israel. O que quer dizer paz entre os palestinianos e os israelitas, entre a Síria e Israel e entre o Líbano e Israel.” O périplo de Mitchell começou nos Emirados Árabes. A Síria foi o segundo país da lista. Seguiu-se Israel, onde Mitchell tem encontro marcado com o primeiro-ministro. Para Benjamin Netanyahu, Israel e os Estados Unidos mantêm uma amizade que não vai ser alterada por não estarem de acordo sobre a questão dos colonatos. Declarações proferidas antes da chegada de Mitchell: “Estamos a tentar alcançar acordos sobre vários temas para podermos juntos avançar rumo a objectivos comuns, que são a paz, a segurança e a prosperidade para todo o Médio Oriente.” O que opõe os dois países é o facto de os Estados Unidos quererem que Israel suspenda a expansão dos colonatos em Jerusalém este e na Cisjordânia. Mitchell já se reuniu com o ministro israelita da Defesa, Ehud Barak, para discutir este tema.