Última hora

Última hora

Afeganistão: Reino Unido muda estratégia

Em leitura:

Afeganistão: Reino Unido muda estratégia

Tamanho do texto Aa Aa

O Ministro britânico dos Negócios Estrangeiros, David Miliband, apelou a uma mudança de estratégia relativamente ao Afeganistão.

Discursando na sede da NATO em Bruxelas, Miliband sublinhou que a par da ofensiva militar é essencial alcançar uma solução política para garantir o futuro do país. “Penso que chegámos a um ponto importante na história do Afeganistão e da presença da NATO no país. As eleições de 20 de Agosto têm que ser credíveis e inclusivas. São as primeiras eleições lideradas pelos próprios afegãos desde os anos 70. Estamos a fazer os possíveis para garantir a credibilidade e justiça do processo”, disse. O chefe da diplomacia britânica acrescentou ainda que o contingente militar será reforçado e serão também enviados observadores eleitorais. Julho foi o mês em que se registaram mais vítimas mortais entre as forças britânicas e da NATO desde o início das operações em 2001. Pelo menos 20 soldados britânicos perderam a vida de um total de 67 vítimas mortais. Num desenvolvimento separado, o governo afegão anunciou esta segunda-feira ter alcançado uma trégua com insurgentes Talibã na província de Badghis, no noroeste do país.