Última hora

Última hora

Lucros do Deutsche Bank não evitam queda na bolsa

Em leitura:

Lucros do Deutsche Bank não evitam queda na bolsa

Tamanho do texto Aa Aa

O Deutsche Bank, maior banco da Alemanha, teve uma subida nos lucros, no segundo trimestre do ano.

Os resultados do banco tiveram um ganho de 68%, em relação ao mesmo período do ano passado, graças ao aumento das receitas da venda de produtos financeiros. O presidente executivo, Josef Ackerman, apresentou boas perspectivas para o resto do ano e diz que o Deutsche Bank está bem preparado. O banco tem vindo a aguentar relativamente bem os efeitos da crise económica, mas não deixa de reflectir a situação em que a Alemanha está mergulhada, como explica o representante dos pequenos accionistas, Klaus Nieding: “O Outono e o Inverno vão ser difíceis. O desemprego vai provavelmente subir, o consumo vai descer e tudo isso tem um impacto nas actividades do banco. Pode ser o início de uma segunda fase da crise financeira”. No entanto, apesar destes números positivos, as acções do Deutsche Bank estiveram a caír, por culpa de uma provisão extraordinária de mil milhões de euros que o banco pôs de parte para os activos de risco.