Última hora

Última hora

UBS faz acordo com justiça americana

Em leitura:

UBS faz acordo com justiça americana

Tamanho do texto Aa Aa

O banco suíço UBS escapou a enfrentar a justiça americana nos tribunais.

O banco chegou a um acordo sobre alguns dos pontos principais no diferendo que o opõe à justiça dos Estados Unidos, que exige a entrega dos nomes dos detentores de 52.000 contas na Suíça. O acordo foi atingido durantre o encontro, em Washington, entre a ministra suíça dos Negócios Estrangeiros, Micheline Calmy-Rey, e a secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton. “Houve um entendimento entre os governos da Suíça e dos Estados Unidos, a respeito o litígio com o UBS. Os nossos governos trabalharam muito para chegar a este ponto, por isso estamos contentes com o anúncio que foi feito esta manhã”, disse Clinton. As autoridades suspeitam de fraude fiscal por parte dos norte-americanos detentores de contas do UBS na Suíça. Até agora, o banco deu a conhecer apenas 250 nomes e só três cidadãos americanos confessaram ter fugido aos impostos através destas contas. Sem o acordo que foi agora atingido, o UBS teria que responder no tribunal e poderia arriscar-se a pagar uma multa avultada.