Última hora

Última hora

Adiado julgamento de al-Hussein

Em leitura:

Adiado julgamento de al-Hussein

Tamanho do texto Aa Aa

O julgamento da jornalista sudanesa acusada de ofensa de crime à ordem moral e pública foi adiado para Setembro.

Loubna Ahmed al-Hussein foi detida em Julho num restaurante de Cartum juntamente com 12 mulheres por usarem calças. A jornalista procura, agora, alterar a lei que proíbe o uso da indumentária no país: ““Não pretendo ser ilibada, o meu principal objectivo é mudar as leis que restringem a liberdade e são uma humilhação para as mulheres sudanesas” afirma. 10 das 13 mulheres detidas em Julho declararam-se culpadas e submeteram-se a uma pena de dez chicotadas. Segundo a lei islâmica o uso de roupas consideradas indecentes é punível com 40 chicotadas.