Última hora

Última hora

Talibãs confirmam morte do seu líder no Paquistão

Em leitura:

Talibãs confirmam morte do seu líder no Paquistão

Tamanho do texto Aa Aa

Os talibãs confirmaram a morte de Baitullah Mehsud, o líder do movimento no Paquistão.

Fontes dos serviços secretos paquistaneses e norte-americanos dizem que a CIA está por trás do ataque. De acordo com um comandante talibã, Mehsud foi atingido por um míssil disparado por um avião não tripulado dos Estados Unidos. “O cunhado de Baitullah Mehsud deu-nos a informação. Na quarta-feira, durante o ataque, Baitullah, quatro assessores e a mulher foram mortos”, revelou Baz Mohammad. O ataque terá tido como alvo a casa do sogro de Mehsud, no Waziristão do Sul. Na Mesquita Vermelha, em Islamabad, um fiel afirmou que nada vai mudar com a morte de Mehsud. “Isto tem tudo a ver com o sistema. Um Baitullah morre, mas outro nasce. A principal falha do nosso sistema é que aceitamos a escravatura americana. Até fazermos nós mesmos as nossas leis, enquanto não mudarmos a nossa mentalidade, imensos Baitullahs vão nascer e continuar a destruir o nosso país”, disse Mohammad Usman. A morte de Baitullah Mehsud ainda não foi confirmada nem por Washington, nem por Islamabad. O Paquistão diz ter informações nesse sentido, mas quer confirmar a veracidade no local do ataque.