Última hora

Última hora

Controverso "metro do chanceler" inaugurado em Berlim

Em leitura:

Controverso "metro do chanceler" inaugurado em Berlim

Tamanho do texto Aa Aa

Foi inaugurado o controverso “metro do chanceler”, a linha mais curta e cara de Berlim. O projecto custou 320 milhões de euros e demorou 13 anos a construir.

A nova linha tem menos de dois quilómetros de extensão, o que dá um custo de 178 mil euros por metro. Tem apenas três estações e, para já, não está ligada ao resto da rede de metropolitano. As estações são mais luxuosas dos que as das outras linhas. Na da Porta de Brandeburgo, foi instalada uma exposição fotográfica sobre o Muro de Berlim. O “metro do chanceler” liga a estação central de Berlim à Porta de Brandeburgo, com passagem pela chancelaria, pontos que os críticos dizem já estar servidos de transportes públicos.