Última hora

Última hora

Onda de atentados no Iraque mata 42 pessoas

Em leitura:

Onda de atentados no Iraque mata 42 pessoas

Tamanho do texto Aa Aa

Uma onda de atentados em várias pontos do Iraque fez hoje 42 mortos e mais de duzentos feridos. É a jornada mais mortífera desde que as tropas norte-americanas se retiraram das cidades iraquianas em Junho.

Em Bagdade, registaram-se três atentados que provocaram 19 mortos e 93 feridos. Num dos incidentes, a explosão de dois carros armadilhados matou 16 trabalhadores da construção que procuravam trabalho. O primeiro-ministro Nuri al-Maliki lançou o alerta: “Vamos assistir a um número crescente de tentativas de destruir o sistema de segurança para dar a impressão de que o processo político não é estável. Numa aldeia xiita a 20 quilómetros de Mossul, os bombistas armadilharam dois camiões. A explosão causou 23 mortos e 138 feridos. Quase todos os dias há tiroteios e bombardeamentos na área de Mossul. A capital da província de Nineveh é palco de conflitos entre árabes e curdos que ameaçam a estabilidade do território.