Última hora

Última hora

Irão: Reiss continua detida à espera de veredicto

Em leitura:

Irão: Reiss continua detida à espera de veredicto

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça iraniana concluiu o processo contra Clotilde Reiss, mas a universitária francesa continua na prisão e não pode abandonar o Irão pelo menos até que seja conhecido o veredicto.

O procurador de Teerão sublinhou que a decisão sobre uma possível libertação condicionada sob caução cabe ao juíz iraniano que dirigiu o julgamento. A França diz-se preparada para receber Reiss na embaixada em Teerão, mas sublinhou que uma liberdade condicional deve ser apenas a “primeira etapa” na direcção do abandono do processo judicial. A maioria dos deputados iranianos condenou hoje o que classificou de “ingerência” ocidental nos protestos pós-eleitorais e consequentes detenções, que incluiram Reiss, vários funcionários de embaixadas europeias e centenas de iranianos. Teerão libertou ontem a franco-iraniana Nazak Afshar, mas sublinhou que continuam a ser examinadas as acusações contra a funcionária da embaixada francesa.