Última hora

Última hora

Justiça britânica deve libertar líbio responsável pelo atentado de Lockerbie

Em leitura:

Justiça britânica deve libertar líbio responsável pelo atentado de Lockerbie

Tamanho do texto Aa Aa

Abdelbaset Ali Mohamed Al-Megrahi, o líbio condenado pelo atentado de Lockerbie, renunciou a recorrer da sua sentença.

A decisão deve-se com o facto de o antigo agente líbio estar prestes a ser libertado devido a problemas de saúde, de acordo com os meios de comunicação britânicos. Actualmente detido na prisão escocesa de Greenock, Al-Megrahi, de 57 anos, sofre de um cancro na próstata em fase terminal e o seu estado de saúde tem vindo a “deteriorar-se significativamente”, de acordo com um porta-voz do gabinete de advogados que tem assegurado a sua defesa. Al-Megrahi foi condenado em 2001 a prisão perpétua, com um mínimo de 27 anos, por ter causado a explosão de um avião da Pan Am a 21 de Dezembro de 1988 sobre a cidade escocesa de Lockerbie, matando as 259 pessoas a bordo e 11 em terra. Em Maio último, as autoridades líbias pediram a extradição de Al-Megrahi.