Última hora

Última hora

Sete mortos em atentado no Afeganistão

Em leitura:

Sete mortos em atentado no Afeganistão

Tamanho do texto Aa Aa

A cinco dias das eleições presidenciais no Afeganistão, os Talibã voltam a atacar. A explosão de uma viatura armadilhada no centro de Cabul provocou, hoje, pelo menos sete mortos e perto de uma centena de feridos. O ataque reivindicado pelos Talibã ocorre numa das zonas mais vigiadas do país onde se situam várias embaixadas e o quartel-general das forças da NATO.

Ao início da manhã, um porta-voz do ministério da Defesa fazia uma balanço do número de vítimas: “Trata-se de um ataque suicida com recurso a um automóvel armadilhado. Até ao momento temos quatro mortos e 91 feridos. Entre os feridos está Hawa Nuritani, membro do Parlamento. Quatro pertencem ao exército afegão, os restantes são civis.” O atentado suicida ocorreu por volta das 8h30 hora local. As últimas informações dão conta de pelo menos mais três vitimas mortais. Na mira do grupo estava a embaixada norte-americana, situada no coração da capital afegã. Este sábado, o grupo islâmico radical voltou a dizer que pretende boicotar as eleições presidenciais e provinciais. As ameaças ganham força perante a fragilidade da população. Afastados do poder há oito anos, os Talibã continuam a marcar o dia a dia da população.