Última hora

Última hora

Atenas: Fogos começam a recuar

Em leitura:

Atenas: Fogos começam a recuar

Tamanho do texto Aa Aa

A ajuda europeia tem sido preciosa para travar os incêndios que desde sexta-feira lavram junto a Atenas. De acordo com um porta-voz dos bombeiros, ao final da tarde de hoje, já só resta uma frente activa a 60 quilómetros a oeste da capital.

No nordeste de Atenas, mais de 500 bombeiros e 300 soldados estiveram mobilizados no combate às chamas, auxiliados por uma centena de veículos, aviões cisterna e helicópteros. Mas as chamas deixam um rasto de desastre ecológico e um pretexto para os partidos da oposição acusarem o governo de não reagir de forma eficaz. Ao longo do dia, as pessoas aliaram-se aos bombeiros para salvar as casas. Florestas, vinhas, e mosteiros também não escaparam às chamas. Várias freiras uniram-se para tentarem travar as línguas de fogo e evitarem a destruição do mosteiro onde vivem. Desde sexta-feira, arderam cerca de 15 mil hectares de florestas nos subúrbios da capital e dezenas de casas foram devoradas pelas chamas. Mais de vinte mil pessoas terão ficado desalojadas. Esta é a segunda vez em dois anos que o governo e a população grega enfrentam um pesadelo de chamas, depois de em 2007 os fogos terem provocado cerca de 70 vítimas mortais e destruído 250 mil hectares.