Última hora

Última hora

GM pondera não vender a OPEL

Em leitura:

GM pondera não vender a OPEL

Tamanho do texto Aa Aa

Berlim e os trabalhadores da OPEL estão preocupados com as últimas notícias vindas dos Estados Unidos. Com o futuro da OPEL a tornar-se assunto desconfortável em plena campanha eleitoral, o governo alemão convocou a direcção da General Motors para tentar finalizar o dossiê.

Mas segundo vários jornais americanos, a GM já não quer vender a OPEL. Estará mesmo a preparar um plano de financiamento de três mil milhões de euros para manter a marca alemã, através da venda ou hipoteca de activos na China. A concretizar-se trata-se de um balde de água fria para Berlim e os 26 mil funcionários alemães da OPEL, favoráveis à venda aos canadianos de Magna.