Última hora

Última hora

Jovem libertado de Guantánamo

Em leitura:

Jovem libertado de Guantánamo

Tamanho do texto Aa Aa

Um dos presos mais jovens foi libertado de Guantánamo e já está em casa, em Cabul.

Mohammed Jawad, considerado, em 2002, um combatente inimigo pelos Estados Unidos, foi libertado esta segunda-feira depois de sete anos de prisão. O jovem foi acusado de ter lançado uma granada contra um veículo militar, na capital afegã, ferindo dois soldados americanos e o seu intérprete. O jovem assinou uma confissão ainda no seu país mas dois juízes americanos consideram que o jovem foi levado, através de tortura, a fazê-lo. Os advogados do jovem afirmam que foi detido aos 12 anos, mas o Pentágono indica que análises à sua estrutura óssea revelaram que já teria 18 quando foi enviado para Guantánamo e 17 quando foi preso.