Última hora

Última hora

Suíça assina acordo com França para troca de informações em caso de evasão fiscal

Em leitura:

Suíça assina acordo com França para troca de informações em caso de evasão fiscal

Tamanho do texto Aa Aa

A Suíça dá mais um passo no longo caminho rumo ao fim do sigilo bancário.

O presidente helvético, Hanz Rudolf Merz assinou um acordo com a ministra da Economia francesa para a troca de informações bancárias em caso de fraude ou evasão fiscal. Este é o terceiro dos 12 acordos que a Suíça precisa de assinar, de forma a sair da lista negra dos paraísos fiscais, estabelecida pela OCDE. A titular da pasta da economia, Christine Lagarde explica que foram feitas alterações à lei anterior, que permitem agora a troca de informação. “O segredo bancário não é mais uma contrapartida ou uma defesa que impede a Suíça de fornecer informações”. No entanto, os dados bancários só podem ser disponibilizados pelas autoridades helvéticas caso existam suspeitas justificadas de fraude. O acordo aplica-se apenas aos cidadãos franceses com domicílio em França e que tenham contas na Suíça. Já no início de Agosto, o banco UBS chegou a um entendimento com os Estados Unidos sobre o acesso a milhares de contas, por suspeita de evasão fiscal.