Última hora

Última hora

Ataque da NATO no Afeganistão causa explosão mortífera

Em leitura:

Ataque da NATO no Afeganistão causa explosão mortífera

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 90 pessoas morreram numa explosão de um tanque de combustível no norte do Afeganistão, após um ataque da NATO.

A informação foi avançada pelo Governador da província de Kunduz. A NATO confirmou o ataque. O que ainda não se sabe com certeza é o número de civis que se encontram entre as vítimas. A deflagração seguiu-se a um bombardeamento que visava militantes talibãs. De acordo com testemunhas no local os civis morreram queimados quando tentavam abastecer-se de combustível transportado pelo camião, que havia sido roubado pelo grupo rebelde na noite de quinta-feira. O presidente afegão já reagiu ao incidente. Hamid Karzai fez saber que é “inaceitável” atingir civis e que as operações militares não devem ter como alvo pessoas inocentes. Um porta-voz da NATO no país confirmou a realização dos ataques aéreos e garantiu que a morte dos civis está a ser investigada. O incidente arrisca-se a alimentar a animosidade dos afegãos face à presença das tropas estrangeiras, numa altura que a opinião pública norte-americana se mostra cada vez mais hostil à continuação das operações militares.