Última hora

Última hora

Obama obrigado a defender estratégia para o Afeganistão

Em leitura:

Obama obrigado a defender estratégia para o Afeganistão

Tamanho do texto Aa Aa

A guerra no Afeganistão é cada vez mais impopular nos Estados Unidos e obriga Obama defender a sua estratégia.

O secretário de Defesa Robert Gates, afirmou que o país tem um tempo “limitado” para mostrar que a estratégia no Afeganistão funciona. O secretário defendeu ainda a permanência das tropas americanas no país e garantiu que “a guerra está sob controlo. As declarações de Gates surgem no meio de críticas, por parte do Congresso e de alguns americanos, sobre a razão e o custo da campanha do país em território afegão. Desde Maio, o contingente militar americano no Afeganistão praticamente duplicou, sendo composto por cerca de 100 mil soldados. O chefe do estado-maior do exército americano, Michael Mullen, afirmou que a situação no Afeganistão pode mudar já nos próximos 12 ou 18 meses uma vez que agora existem mais recursos militares.