Última hora

Última hora

Votação para reeleição de Barroso marcada para 16 de Setembro

Em leitura:

Votação para reeleição de Barroso marcada para 16 de Setembro

Tamanho do texto Aa Aa

Foi um Durão Barroso inicialmente sorridente, mas depois mais desgastado e preocupado com o seu mais próximo futuro político, o que se reuniu com os presidentes dos grupos políticos do Parlamento Europeu (PE).

Nesta reunião fixou-se a data de 16 de Setembro, ou seja a próxima quarta-feira, para o voto de confirmação da nomeação de Durão Barroso como presidente da Comissão Europeia. Da votação espera-se uma reeleição de Barroso, mas longe da folgada maioria desejada pelo ex-primeiro-ministro português. O presidente do PE diz-se optimista sobre o apoio parlamentar a Durão Barroso. “Precisamos de um apoio forte para o Presidente da Comissão Europeia, porque queremos ter um Comissão Europeia forte.” Durão Barroso sabe que pode contar com o apoio do Partido Popular Europeu. Uma linha que deve ser seguida por liberais e conservadores e democratas. A grande incógnita chama-se grupo socialista. Lothar Bisky do Esquerda Unitária Europeia – Esquerda Verde Nórdica diz que do seu partido não haverá qualquer voto para Durão Barroso. O voto na reeleição do ex-primeiro-ministro português vai ser o tema dominante da sessão plenária de 14 a 17 de Setembro do Parlamento Europeu de Estrasburgo. Para renovar o mandato de 2004, Durão Barroso precisa de obter os votos da maioria simples dos deputados europeus presentes no sufrágio, marcado para quarta-feira ao fim da manhã.