Última hora

Última hora

Trabalhadores da Vauxhall apreensivos

Em leitura:

Trabalhadores da Vauxhall apreensivos

Tamanho do texto Aa Aa

Os sindicatos britânicos anunciaram que a Magna pretende cortar 40 por cento da força laboral de uma das duas fábricas da Vauxhall, a divisão da Opel no Reino Unido. 830 empregos em risco.

Os trabalhadores estão apreensivos. No horizonte estão também cortes nos benefícios dos empregados. O governo diz-se empenhando em manter unidades de produção no Reino Unido. O secretário de Estado do comércio está optimista. “O nosso objectivo e as discussões sobre o financiamento e apoios do governo para uma GM Europa reestruturada serão sobre manter as fábricas. Recebemos garantias da magna mas queremos assegurar que assim será no futuro”, disse Pat Mcfadden. Vauxhall emprega no Reino Unido cinco mil pessoas, nas fábricas de Ellesmere Port e de Lutton.