Última hora

Última hora

Lehman Brothers faliu há um ano

Em leitura:

Lehman Brothers faliu há um ano

Tamanho do texto Aa Aa

Há um ano, o Lehman Brothers, o quarto maior banco de negócios dos Estados Unidos declarou falência. Começava assim o colapso do sistema financeiro norte-americano.

As imagens dos 20 mil empregados da instituição a abandonar o edifício correu mundo, assim como a crise, que se espalhou rapidamente. A falência do banco centenário foi precipitada pla incapacidade de refinanciamento, após a crise dos “subprimes”. A inércia da administração Bush, que deixou cair o banco, fez explodir a bolha económica. Um corretor em Wall Street diz que “o que aconteceu, tinha de acontecer”. Um outro corretor conta que nos dias que se seguiram à falência, “ir trabalhar era desgastante e quase um castigo”. O Lehman Brothers perdeu mais de 4 mil milhões de euros. E não foi o unico. “Íamos para casa na sexta-feira com a Bear Stearns. Quando voltávamos na segunda-feira, tinha falido. Ia para casa com a Merrill, e quando voltávamos do fim-de-semana não existia… Nunca esperámos ver dias assim e esperamos nunca mais ver”, contou um norte-americano. O colapso financeiro norte-americano atravessou o Atlântico, arrastando a economia europeia para a maior crise desde a Grande Depressão, nos anos 30 do século passado. Apesar da Alemanha e França mostrarem, um ano depois, alguns sinais positivos, alguns economistas avisam que o pior ainda não passou.