Última hora

Última hora

Israel exige reposta da comunidade internacional ao Irão

Em leitura:

Israel exige reposta da comunidade internacional ao Irão

Tamanho do texto Aa Aa

A diplomacia israelita exige uma resposta inequívoca ao Irão por parte das potências mundiais.

Uma reacção que surge depois de ter sido divulgado que Teerão escondia uma segunda usina de enriquecimento de urânio. Essa resposta deverá ser dada a 1 de Outubro em Genebra durante um encontro entre o Irão e outras seis potências nucleares. Estados Unidos, França e Grã-Bretanha, apresentaram em Viena provas que confirmam a construção de uma nova unidade de enriquecimento de urânio, próximo da cidade santa de Qom. Por seu lado, o presidente iraniano desmentiu as informações avançadas pelos três países. “É muito mau para três chefes de estado dizerem algo que não tem o mínimo fundamento, eles estão a acusar um governo independente, membro da Agência Internacional de Energia Atómica, sem nenhuma prova ou documentação”, disse. Intensifica-se assim a pressão do Ocidente face ao programa nuclear iraniano. Se por um lado um cenário de sanções é cada vez mais provável, também não está excluída a hipótese de uma intervenção militar. Os representantes ocidentais exigem que os iranianos facilitem o acesso de inspectores da AIEA ao novo local suspeito.