Última hora

Última hora

China celebra 60 anos

Em leitura:

China celebra 60 anos

Tamanho do texto Aa Aa

A República Popular da China faz 60 anos. 60 tiros de canhões iniciaram as celebrações deste dia histórico na Praça Tiananmen.

Vestido com um fato azul-escuro, o número um do regime Hu Jintao surgiu na tribuna da Porta da Paz Celeste, onde Mao Zedong proclamou a fundação da República Popular da China, no dia 01 de Outubro de 1949. Depois Hu Jintao passou em revista as tropas que participarão na parada militar a bordo de um veículo descapotável que percorreu a longa avenida Chang’an que percorre a capital chinesa de este a oeste. As atenções dos peritos militares internacionais estão viradas para a parada militar, já que pretendem ver se a China vai apresentar a nova versão do míssil balístico intercontinental Dongfeng 31, desenhado e produzido no país. Trata-se da primeira parada realizada em Pequim no espaço de uma década e vai reunir 5.500 soldados de 56 regimentos, tantos quantas as etnias do país. Segue-se um desfile no qual vão participar 200 mil figurantes. O fim das festividades vai ficar marcado pelo maior espectáculo de fogo-de-artifício do mundo. Para tal foram mobilizados 20600 projécteis, o dobro do que foi utilizado na cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos.