Última hora

Última hora

Mau tempo faz dezenas de vítimas na Sicília

Em leitura:

Mau tempo faz dezenas de vítimas na Sicília

Tamanho do texto Aa Aa

A província de Messina, na Sicília, está de luto. As chuvas diluvianas, que se abateram sobre a ilha italiana, provocaram o aluimento da colina e de dezenas de casas da cidade de Messina. Segundo as autoridades, há pelo menos 18 mortos e dezenas de pessoas estão desaparecidas.

Registam-se também 40 feridos que tiveram de ser evacuados por via marítima ou aérea, pois a cidade está isolada. As águas destruíram estradas e linhas de caminho-de-ferro. As ruas são agora um amontoado de lama e destroços. A população queixa-se da falta de ajuda e da inércia das autoridades para evitar o perigo, após a morte de nove pessoas, há dois anos, em circunstâncias semelhantes. Uma habitante afirma: “Estamos abandonados. Ninguém veio ajudar-nos. Temos muita sorte em estar aqui para contar, há outras que já cá não estão para testemunhar”. Outro defende que existia um projecto para consolidar a colina, mas a câmara municipal ainda não tinha dado autorização. À pergunta: “Era um desastre anunciado?” responde prontamente: “Toda a gente sabia que a montanha ia desmoronar-se, toda a gente sabia.” O Ministério Público abriu um inquérito. Os dados de uma federação de agricultores são inquietantes. Cerca de 84% dos concelhos da província de Messina enfrentam o mesmo género de perigo.