Última hora

Última hora

Irlanda aprova Tratado de Lisboa

Em leitura:

Irlanda aprova Tratado de Lisboa

Tamanho do texto Aa Aa

Os irlandeses aprovaram o Tratado de Lisboa. Ainda não há resultados oficiais mas o chefe da diplomacia de Dublin, Micheál Martin, já cantou vitória e os partidários do Não reconheceram a derrota.

O referendo desenrolou-se ontem mas a contagem dos votos começou esta manhã. A participação foi agora mais elevada do que há um ano quando os irlandeses chumbaram o Tratado de Lisboa. O país conta três milhões de eleitores. Apesar do descontentamento face ao trabalho do primeiro-ministro Brian Cowen, a maioria dos irlandeses votou sim. O receio do isolamento internacional e a ameaça da redução do investimento directo estrangeiro falaram mais alto neste período de crise económica: “- Eu votei Sim para nos mantermos próximos da Europa e evitar um afastamento.” “- Eu votei Não porque sinto que a forma como nos impõem leis, a nós e ao resto da Europa, não é equilibrada.” “- Embora de forma relutante, eu votei Sim, apenas por causa do período que atravessamos. Não era a melhor altura para dizer Não.” Depois da Irlanda, resta à Polónia e à República Checa ratificarem o Tratado de Lisboa.