Última hora

Última hora

Hypo nacionalizado a cem por cento

Em leitura:

Hypo nacionalizado a cem por cento

Tamanho do texto Aa Aa

O Hypo Real Estate passa para as mãos de um único accionista: o Estado alemão.

A medida não é do agrado dos pequenos investidores que detêm dez por cento do capital do banco germânico especializado no crédito imobiliário. A assembleia geral que decorreu esta segunda-feira em Munique serviu de plataforma de protesto aos accionistas expropriados. Uma mãe, que investiu cem mil euros em nome do filho deficiente, acusa o Estado de “expropriar crianças inocentes por causa de banqueiros irresponsáveis”. O seu investimento inicial é agora avaliado em sete mil euros. O Hypo Real Estate necessita de dez mil milhões de euros para cobrir as perdas colossais que registou no passado e as previstas para os próximos exercícios. O presidente executivo, Axel Wieandt, recorda que as autoridades bancárias só vão disponibilizar mais fundos para salvar a instituição se o capital social passar a ser detido a cem por cento pelo Estado. O Hypo já obteve três mil milhões de euros e o restante não deve tardar. Mas para isso é necessária a expropriação dos dez por cento de acções que estão na mão dos pequenos investidores. O presidente executivo não prevê um regresso aos lucros antes de 2012 e não espera reembolsar o Estado antes de 2015.