Última hora

Última hora

Mitterrand explica relações homossexuais na Tailândia

Em leitura:

Mitterrand explica relações homossexuais na Tailândia

Tamanho do texto Aa Aa

O ministro da Cultura francês, Frederic Mitterrand, insurgiu-se de forma dura contra os que exigiram a sua demissão por revelações de que teve relações sexuais com rapazes tailandeses.

As revelações surgiram no livro intitulado “A Má Vida” publicado pelo próprio em 2005. A polémica regressou depois do sobrinho do antigo presidente François Mitterrand ter contestado de forma veemente a detenção de Roman Polanski na Suíça. “Sim, tive relações com rapazes, isso é sabido, e eu não o escondo. Mas é preciso não confundir – senão regressamos verdadeiramente à idade da pedra – é preciso não confundir homossexualidade com pedofilia. Condeno de forma absoluta o turismo sexual que é uma vergonha. Condeno a pedofilia, algo em que nunca participei de qualquer maneira. E todas as pessoas que me acusam deste tipo de práticas deviam ter vergonha de o fazer”, referiu. O ministro, que recolhe apoio do presidente Nicolas Sarkozy, respondeu assim às palavras de protesto do partido extrema-direita, Frente Nacional, e de uma parte dos socialistas.