Última hora

Última hora

Berlusconi ataca comunicação social

Em leitura:

Berlusconi ataca comunicação social

Tamanho do texto Aa Aa

Depois do poder político e judicial foi a vez da imprensa.

Silvio Berlusconi aproveitou a festa do partido Povo pela Liberdade para criticar aquilo a que chama de sentimento anti-italiano. O chefe de Governo aponta o dedo à comunicação social transaplina e internacional: “São acusações absurdas e ridículas, são acusações que afectam o Presidente do Conselho e a toda a Itália. E se me permitem a expressão, tentam fazer passar o Presidente do Conselho por um idiota, a mim e à democracia do nosso país” afirma. Berlusconi vai ter, por isso, que prestar contas na justiça em relação a vários processos. Da lista faz parte o alegado suborno ao advogado inglês, David Mills e a sobrefacturação de direitos televisivos da Mediaset, a sociedade que engloba as televisões privadas do primeiro-ministro.