Última hora

Última hora

Kai Eide admite "fraudes consideráveis" nas presidenciais afegãs

Em leitura:

Kai Eide admite "fraudes consideráveis" nas presidenciais afegãs

Tamanho do texto Aa Aa

No dia 20 de Agosto, no Afeganistão, houve “fraudes consideráveis.” na eleições presidencias.

Quem o diz é o representante especial da ONU Kai Eide que organizou um encontro com os jornalistas para responder às acusações de que tentou esconder as informações sobre a amplitude das irregularidades eleitorais. . “É verdade que num determinado número de mesas de voto no Sul e Sudeste houve fraudes consideráveis. Mas apenas isso. A extensão das fraudes está prestes a ser determinada.” Os resultados da votação ainda não são conhecidos, mas surgiram várias acusações de fraude, vindas de observadores afegãos e internacionais, e a maioria cometidas a favor do Presidente Hamid Karzai, que quer continuar no poder. Os resultados preliminares do escrutínio apontam Karzai como o vencedor, com 55 por cento dos votos, contra menos de 28 por cento para o seu rival principal, o antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, Abdullah Abdullah. Depois de um exame aos boletins de voto que foram suspeitos de serem manipulados, os resultados definitivos deverão ser anunciados esta semana.