Última hora

Última hora

Nova era nas relações EUA-Rússia

Em leitura:

Nova era nas relações EUA-Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Um novo impulso. Foi assim que Dimitri Medvedev qualificou as relações bilaterais entre a Rússia e os Estados Unidos, após ter recebido, em Moscovo, Hillary Clinton.

O presidente russo diz ter discutido “sincera e interessadamente” com a secretária de Estado norte-americana temas da actualidade internacional como o Médio Oriente ou a Coreia do Norte, passando, claro está, pelo Irão. Clinton diz estar “consciente de que, talvez não seja alcançado o sucesso que se espera, nas negociações com Teerão”. Por isso, olha para “a possibilidade de sanções – casos não consiga garantir que o Irão não seguirá na via das armas nucleares.” A chefe da Diplomacia americana garantiu, contudo, privilegiar a via diplomática. Palavras que tranquilizaram Moscovo. Durante a manhã, Clinton reuniu-se com o seu homólogo russo que excluiu o recurso a sanções, enquanto não estiverem esgotadas as opções diplomática e politica. Um discurso em uníssono, que marca uma nova era entre Washington e Moscovo.