Última hora

Última hora

Petição contra Jean Sarkozy reúne mais de 80 mil assinaturas

Em leitura:

Petição contra Jean Sarkozy reúne mais de 80 mil assinaturas

Tamanho do texto Aa Aa

O Governo francês saiu esta terça-feira em defesa de Jean Sarkozy depois de acusações de nepotismo por parte da oposição.

Mergulhado em polémica após a sua nomeação como gestor da Defense, o maior bairro de negócios da Europa, em Paris, foi o pai, Nicolas Sarkozy que respondeu indirectamente às críticas: “A partir de agora, em França é da escola que sairão as elites e não do berço. Isto quer dizer que o que conta em França para se ter sucesso, não é ter nascido bem, para se ter sucesso é preciso trabalhar muito e dar provas, através dos estudos, pelo seu trabalho e o seu valor”. O governo fez saber que Jean Srkozy não será designado para a Presidência do organismo que administra A Defense (o EPAD), mas sim eleito, pelo conselho de administração do EPAD que deverá decidir da eleição do presidente entre os conselheiros gerais. Os seus opositores apontam a sua idade, apenas 23 anos e a falta experiência, frequenta o segundo ano de Direito, como razões suficentes para não aceitarem esta promoção. Na internet circula já uma petição lançada por um militante do MODEM, o partido de François Bayrout, que pede a Jean Sarokozy que acabe os estudos e faça uns estágios, antes de pretender ocupar cargos de tão alata responsabilidade.