Última hora

Última hora

Deportação de afegãos para Afeganistão provoca chuva de críticas

Em leitura:

Deportação de afegãos para Afeganistão provoca chuva de críticas

Tamanho do texto Aa Aa

França e Grã-Bretanha unem esforços para expulsar 27 imigrantes afegãos ilegais num voo conjunto e desencadeiam uma vaga de protestos.

O primeiro grupo aterrou em Kabuk esta quarta-feira, uma operação criticada por grupos de direitos humanos no dois países. As associações de defesa dos direitos do homem sairam à rua mas as manifestações de nada serviram. “Querem obrigar pessoas a viver num país onde não dispõem de outra solução senão serem massacradas ou engrossar as fileiras dos taliban”, denuncia um activista. A oposição francesa também criticou a decisão e consideram “vergonhoso” enviar imigrantes de volta a um país em guerra. O ministro da Imigração francês, Eric Besson defendeu que “pelo facto de um país estar em guerra não siginifica direito a asilo político num país desenvolvido. E explicou que estas medidas de expulsão dizem respeito a pessoas que são originárias de cidades perto de Cabul e não de regiões onde opera a guerrilha, no sul do pais” O polémico voo saiu de Londres, na Inglaterra, e fez uma escala no aeroporto de Roissy em Paris, com detino a Cabul. O governo francês tem previstas outras operações do mesmo género no âmbito de um acordo establecido entre Londres e Paris no passado mês de Julho.