Última hora

Última hora

Karadzic enfrenta onze acusações

Em leitura:

Karadzic enfrenta onze acusações

Tamanho do texto Aa Aa

O antigo chefe político dos sérvios da Bósnia enfrenta onze acusações de crimes de guerra e crimes contra a humanidade praticados durante o conflito bósnio.

No centro do processo: o massacre de Srebrenica de Julho de 1995. Mais de sete mil homens e rapazes muçulmanos da Bósnia foram executados pelo exército sérvio, sob o comando de Radko Mladic, que continua a ser procurado pela justiça internacional. Radovan Karadzic é acusado de ter instigado as execuções, com o objectivo final de eliminar os muçulmanos e os croatas do território reivindicado pelos sérvios da Bósnia. O general de 64 anos é ainda julgado por ter violado as leis da guerra ao tomar como reféns capacetes azuis da ONU. O processo debruça-se ainda sobre os 43 meses do cerco de Sarajevo. O antigo líder militar é acusado de ter dado ordens para atirar sobre a população civil causando a morte a doze mil pessoas. Entre 1992 e 1995, o conflito bósnio, fez cem mil mortos e 2,2 milhões de deslocados.