Última hora

Última hora

Manhã sangrenta para as Nações Unidas em Cabul

Em leitura:

Manhã sangrenta para as Nações Unidas em Cabul

Tamanho do texto Aa Aa

Um comando suicida atacou uma casa de hóspedes internacionais da ONU em Cabul. Por agora há notícia de nove mortos, seis dos quais estrangeiros que trabalhavam para a organização mundial. As suas nacionalidades ainda não são conhecidas. Os talibãs reinvidicaram o ataque ao edifício no centro da capital afegã.

O atentado terá sido levado a cabo por cinco insurgentes equipados com armas automáticas e carregados de explosivos. Depois de investirem o edifício por volta das cinco e meia hora local, uma da manhã em Lisboa, teve início um intenso tiroteio que durou perto de três horas. As autoridades afegãs mataram três atacantes e capturaram os restantes, afirmou um porta-voz do ministério do Interior. Ao mesmo tempo que o comando talibã atacava as instalações utilizadas pela ONU, ouviam-se explosões no luxuoso Hotel Serena, situado perto do palácio presidencial. No sábado os insurgentes instaram a população afegã a boicotar a segunda volta das eleições presidênciais marcada para o dia 7 de Novembro. Os talibãs ameaçaram iniciar uma vaga de violência semelhante à ocorrida durante a primeira volta.