Última hora

Última hora

Número de desempregados na zona euro atinge máximos de 10 anos

Em leitura:

Número de desempregados na zona euro atinge máximos de 10 anos

Tamanho do texto Aa Aa

O número de desempregados voltou a subir na zona euro em Setembro. De acordo com os dados divulgados esta sexta-feira pelo Eurostat, Portugal acompanhou a tendência dos restantes países da eurolândia.

Comparativamente com o mês de Agosto, a taxa de desemprego aumentou uma décima para os 9,7% da população activa. Em Setembro registaram-se mais 184 mil desempregados para um total de 15 milhões 324 mil pessoas sem emprego. Trata-se do nível mais elevado desde 1999. O número de desempregados tem vindo a subir de forma contínua desde Março deste ano. Comparada com o período homólogo de 2008, a taxa de desemprego subiu 2%. Espanha é o país da zona euro com a mais alta taxa: 19,3% em Setembro. A Holanda encontra-se na outra extremidade da lista com apenas 3,6% de desempregados. Na União Europeia, a taxa de desemprego passou de 9,1% em Agosto para 9,2% em Setembro. O gabinete de estatística comunitário estima que o número de desempregados atingiu os 22 milhões 123 mil no conjunto dos Vinte e Sete, mais cinco milhões que no mesmo mês do ano passado.