Última hora

Última hora

Crise nuclear iraniana: Teerão faz contra-proposta ao plano da ONU

Em leitura:

Crise nuclear iraniana: Teerão faz contra-proposta ao plano da ONU

Tamanho do texto Aa Aa

Da Malásia, onde participa numa reunião, Manuchehr Mottaki, ministro iraniano dos Negócios Estrangeiros, desvendou a contra-proposta de Teerão ao plano da ONU para desbloquear a crise em torno do programa nuclear iraniano.

O plano da ONUprevê que o Irão envie à Rússia o seu urânio enriquecido, a 3,5 por cento, para que os russos o enriqueçam a 19,75 por cento. Depois, a França transforma esse urânio em barras de combustível que são devolvidas ao Irão para as usar para fins de investigação. Teerão tinha até ao passado dia 23 para responder. Não o fez e uma semana depois, no passado sábado, apresentou à Agência Internacional de Energia Atómica a contra-proposta que consiste em pedir a criação de uma comissão de revisão do plano, já que Teerão quer receber urânio enriquecido e só depois enviar o seu urânio, por etapas, à Rússia.