Última hora

Última hora

Alemanha indignada com a General Motors

Em leitura:

Alemanha indignada com a General Motors

Tamanho do texto Aa Aa

O recuo da General Motors na decisão de vender a filial europeia Opel está a provocar reacções de indignação na Alemanha e preocupação em países como a Bélgica.

Por um lado milhares de trabalhadores das fábricas alemãs preparam-se para sair às ruas em protesto. Por outro, o Governo de Angela Merkel lamentou a decisão do Conselho de administração da GM. “O comportamento da General Motors face à Alemanha é completamente inaceitável. Nós vamos reclamar o dinheiro dos nossos contribuintes, eles têm o direito de exigi-lo”, afirmou Rainer Bruderle, ministro alemão da economia. A Comissão Europeia (CE) também adverte a empresa americana para que tenha um plano sólido “A Comissão vai verificar que qualquer apoio financeiro do Governo de um Estado membro para o novo plano de restruturação seja feita de acordo com os requisitos da ajuda a um Estado europeu e das regras de mercado internas”, declarou Jonathan Todd, porta-voz da CE.