Última hora

Última hora

Autoridade palestiniana pronta a adiar eleições de 24 de Janeiro

Em leitura:

Autoridade palestiniana pronta a adiar eleições de 24 de Janeiro

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da autoridade palestiniana deverá adiar as eleições previstas para o início de Janeiro.

A informação, que marca um novo revês no processo de reconciliação entre o Fatah e o Hamas, foi confirmada por fontes próximas de Mahmoud Abbas. A comissão eleitoral palestiniana tinha emitido uma recomendação para adiar o sufrágio dada a falta de progressos nas discussões com o Hamas em Gaza. O porta voz da comissão, confirmou que na reunião de hoje do organismo foi decidido recomendar ao presidente que reveja o calendário eleitoral. A decisão surge depois de Abbas ter afirmado que não se candidataria a um novo mandato, deixando circular algumas informações de que poderia demitir-se. A falta de avanços nas negociações de paz com Israel e o impasse nas discussões com o Hamas, mediadas pelo Cairo estarão na base da decisão. O número dois do Hamas não se mostra surpreendido com o adiamento das eleições, “é o resultado natural da falta de condições para convocar o sufrágio e uma prova da credibilidade da posição do Hamas que rejeitou qualquer sufrágio antes de chegar a um entendimento com o Fatah”. Ontem durante o aniversário da morte de Yasser Arafat, Abbas tinha voltado a apelar à reconciliação nacional com o movimento islamita que controla Gaza. Uma forma de evitar um sufrágio que sem um entendimento poderia fragmentar para sempre a Cisjordânia e a faixa de Gaza.