Última hora

Última hora

SPD alemão analisa derrota e ensaia mudança

Em leitura:

SPD alemão analisa derrota e ensaia mudança

Tamanho do texto Aa Aa

Os sociais-democratas alemães estão desde hoje reunidos em congresso, em Dresden, para analisar a derrota eleitoral face a conservadores e liberais.

Mais de um mês depois, a hora é de mudança para a formação que deverá eleger Sigmar Gabriel para substituir Franz Muntefering à cabeça da formação. O actual líder, criticado pelo pior resultado de sempre do partido evitou hoje falar do passado: “As vitórias e as derrotas em democracia são sempre temporárias. O resultado de 27 de setembro tem um sabor amargo mas não o fim do mundo. O SPD é paciente e está pronto para regressar ao combate”. Os sociais-democratas pagam assim a factura da coabitação no governo com os conservadores durante quatro anos e da concorrência das outras formações à esquerda. A perda de eleitorado nos últimos dez anos levou o partido a mudar sete vezes de dirigente. O próximo líder deverá decidir se vai quebrar o tabú das coligações com outros partidos de esquerda, recusadas até hoje pelo actual presidente do SPD.