Última hora

Última hora

Austrália pede desculpa aos "forgotten australians"

Em leitura:

Austrália pede desculpa aos "forgotten australians"

Tamanho do texto Aa Aa

Gordon Brown disposto a pedir desculpa aos milhares de britânicos enviados na infância para as colónias do Reino Unido.

Eram crianças orfãs ou de famílias pobres, enviadas à revelia dos familiares. A intenção do governo britânico surge na véspera do pedido nacional de desculpas que deverá ser pronunciado esta segunda-feira pelo primeiro-ministro australiano aos denominados “forgotten australians” Uma das vítimas chegou hoje a Camberra e mostra-se satisfeita por, finalmente, “ser reconhecido o sofrimento por que passaram”. Dorothy Chernikov foi uma das 500 mil crianças australianas, que juntamente com as britânicas, foram vítimas da política de povoamento das colónias do Reino Unido, com o então designado “bom stock branco”. Entre 1930 e 1970, só para a Austrália partiram sete mil crianças, com idades entre os 3 e os 14 anos. Foram distribuídas por orfanatos, instituições religiosas ou quintas, onde sofriam violência física psicológica e abusos sexuais.