Última hora

Em leitura:

D'Alema contestado a leste


A redação de Bruxelas

D'Alema contestado a leste

Massimo d’Alema, antigo primeiro-ministro, também chefiou a política externa italiana – é um dos nomes apontados para futuro ministro europeu do Negócios Estrangeiros.

Aos 60 anos, é membro do Partido Democrata de centro esquerda, o principal partido da oposição. Tem viabilizado, através de acordos de bastidores, o governo de Silvio Berlusconi e aqui, começam as reservas ao seu nome. Todos lhe reconhecem uma inegável experiência política. Foi Primeiro-ministro por duas vezes, sem grande sucesso. Liderou a Juventude Comunista, depois passou ao Comité Central ainda no tempo de Enrico Berlinguer. Foi director do jornal L’ Unitá, do Partido Comunista Italiano e chefiou o respectivo grupo parlamentar. Os estados do leste temem estes dados biográficos de Massimo d’ Alema. Mas ele próprio tem-se dito defendor da solução, David Miliband.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

A redação de Bruxelas

Milliband exita entre Londres e Bruxelas