Última hora

Última hora

FMI pede revalorização do yuan

Em leitura:

FMI pede revalorização do yuan

Tamanho do texto Aa Aa

O FMI pede à China uma revalorização da moeda nacional, o yuan. O director-geral do Fundo Monetário Internacional está em Pequim e sugeriu que a China abandone o dólar como moeda de referência para o Yuan e adopte um cabaz de várias divisas.

“No FMI, acreditamos que o yuan está sub-valorizado. Fazer uma revalorização da divisa é do interesse não só da China, como também da economia global”, disse Dominique Strauss-Kahn. O yuan, também conhecido como renmimbi, tem tido uma cotação pouco inalterada em relação ao dólar, durante os últimos 15 anos. Entre 2005 e 2008 houve algumas revalorizações, mas há quase um ano e meio que o valor não sobe. A razão para manter a cotação baixa é estimular as exportações. Manter a divisa barata significa vender produtos mais baratos ao estrangeiro. Dominique Strauss-Kahn diz que a China já beneficiou muito com o yuan fraco e tem agora que pensar no investimento e na estabilidade a longo prazo e, para isso, aumentar novamente o valor da moeda.