Última hora

Última hora

Pescadores do Alakrana chegam a Espanha no sábado

Em leitura:

Pescadores do Alakrana chegam a Espanha no sábado

Tamanho do texto Aa Aa

Depois de 47 dias, a tripulação do atuneiro Alakrana está de regresso a casa.

Os 36 tripulantes sequestrados na Somália foram libertados ontem e devem chegar no sábado a Espanha. Termina o pesadelo para os familiares e amigos dos marinheiros do atuneiro basco, 16 dos quais de nacionalidade espanhola. A irmã de um dos tripulante diz que não estava à espera que fosse tão rápido. “Sabíamos que ia acontecer esta semana. Estabelecemos um prazo e ficámos em silêncio para deixá-los trabalhar.” “É um dia muito feliz para todos, não só para as famílias dos 36 tripulantes, mas também para todos que nos apoiaram”, diz outra familiar. O Alakrana já está a caminho das ilhas Seichelles, escoltado pela fragata Canarias. Os piratas somalis afirmam ter recebido um resgate de dois milhões e 700 mil euros. O governo espanhol não revelou a sua participação neste montante. “O atuneiro navega livremente em direcção a àguas seguras. Todos os elementos da tripulação estão sãos e salvos”, assegurou o primeiro-ministro espanhol, José Luis Rodriguez Zapatero. Ontem, dois alegados sequestradores capturados por um navio espanhol foram acusados de 36 delitos. Os piratas devem ser julgados dentro de duas semanas, antes de voltarem à Somália para cumprirem as eventuais penas.