Última hora

Última hora

Obama poderá enviar mais 40 mil soldados para o Afeganistão

Em leitura:

Obama poderá enviar mais 40 mil soldados para o Afeganistão

Tamanho do texto Aa Aa

Barack Obama deverá pronunciar-se, na próxima semana, sobre o envio de tropas suplementares para o Afeganistão. Alguns dos seus conselheiros defendem o envio de um máximo de 20 mil militares. Mas o presidente norte-americano parece mais inclinado a enviar entre 30 mil e 40 mil homens, como requer o comandante no terreno.

Actualmente, os Estados Unidos têm 68 mil militares no Afeganistão, aos quais deverão juntar-se os novos reforços, no próximo ano. A estratégia de Obama para o Afeganistão passa também pela formação do exército e da polícia afegãs, que devem progressivamente assumir a responsabilidade pela segurança, garantida actualmente pelas forças norte-americanas e da NATO. Esta transição poderá começar ja no próximo ano, nas regiões mais estáveis do país. Ponto importante da estratégia da administração Obama: a luta contra a corrupção. O governo de Hamid Karsai está sob pressão. As medidas do recém-reeleito presidente para irradicar a corrupção já foram consideradas insuficientes pela secretária de Estado norte-americana. Actualmente, 15 ministros e ex-ministros de Karsai são suspeitos de actividades ilícitas. A nomeação dos ministros da nova legislatura é aguardada para as próximas semanas. A grande dúvida é saber se os dirigentes actuais suspeitos vão ser demitidos e apresentados à justiça.