Última hora

Última hora

Cimeira da Commonwealth prepara Copenhaga

Em leitura:

Cimeira da Commonwealth prepara Copenhaga

Tamanho do texto Aa Aa

A dez dias de Copenhaga, os países da Commonwealth debruçam-se sobre os temas do ambiente. Os países da Comunidade Britânica lançaram uma iniciativa diplomática para promover um acordo climático global.

A cimeira dura três dias, decorre em Trinidad e Tobago e reúne os 53 países da organização sob a liderança da Rainha Isabel II. O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, o presidente francês, Nicolas Sarkozy e o primeiro-ministro da Dinamarca, Lars Lokke Rasmussen, anfitrião da cimeira de Copenhaga, participam como observadores. “As hipóteses de sucesso são cada vez maiores… um acordo está ao nosso alcance”, disse Ban Ki-Moon. Rasmussen acrescentou: “Sentimos um forte apoio ao mais alto nível, para que se chegue a um acordo ambicioso em Copenhaga. É a minha firme convicção que Copenhaga vai ser capaz de produzir o ponto de viragem histórico de que estamos todos à espera e que todos os cidadãos pedem”. Já a anfitriã do encontro, Isabel II, disse que “às vésperas da cúpula da ONU em Copenhaga, a Commonwealth tem uma oportunidade de mais uma vez liderar.” A cimeira de Copenhaga decorre de 7 a 18 de Dezembro e deve produzir um novo tratado sobre a emissão de gases com efeito de estufa – um tratado que deve substituir o protocolo de Quioto, que expira em 2012.